dezembro 19, 2009

Solstício de Verão



Enquanto aqui abaixo do Equador entramos no Solstício do Sol, os do hemisfério norte iniciam seu Solstício de Inverno.
Época em que, desde muito antes da Era Cristã, aconteciam festivais religiosos e se trocavam presentes entre amigos e parentes. Eram os ritos das Saturnais, quando se deve abrir mão de bens materiais.
Seriam as primeiras celebrações a Saturno, Deus da agricultura, de 17 a 23 de dezembro,
quando com velas e tochas, festejavam o fim do período mais escuro do ano e o nascer de um novo período de Luz, coincidindo com a entrada do Sol no signo de Capricórnio, Solstício de Inverno, lá no hemisfério norte, e Solstício de Verão , cá para nos do Hemisfério Sul.
Na verdade era o final dos trabalhos do campo, quando a família campesina e seus serviçais, ganhavam uns dias para festejos e descansos.
Portanto, cada um comemora esse período cósmico de descanso e celebração, cultuando sua fé e sua cultura, do jeito que bem quiser,
mas tendo sempre como lembrança de que é um momento de
reflexão e solidariedade.
Feliz Natal!

3 comentários:

Silvana Nunes .'. disse...

Neste Natal resolvi fazer uma homenagem diferente.
Coloquei em minha árvore somente os presentes que ganhei, e felizmente,
não couberam, de tantos e tantos que adquiri durante estes anos.
Porque vocês, meus amigos, foram
os presentes que recebi de Deus.
Presentes que se fizeram presentes no decorrer
deste ano, de outros e mais outros, de hoje e de ontem e
que com certeza amanhã continuarão a me dar muitas alegrias...
Vocês são presentes de coração....
Aqueles que não compramos, pois não há preço
nem dinheiro nenhum no mundo para pagar...
São presentes que colhemos na árvore da vida, são
frutos da amizade e de muita luz em nossos momentos...
algumas vezes nebulosos pelas adversidades da vida...
Mas quando do nada, vocês aparecem, nos fortificam
e nos irradiam tanto amor, independente da distância
física, sempre próximos em permanente sintonia.
Meus amigos,
quero agradecer em prece, por vocês existirem.
Que a alegria, o amor, a fraternidade, o perdão,
a compreensão... continuem nos unindo.
Que Deus, em sua infinita bondade, continue
orientando-nos e mantendo acesa a luz da Amizade,
do Amor e da Paz entre todos nós.

Saudações Florestais !
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER...
em: http://www.silnunesprof.blogspot.com

expressodalinha disse...

O mais curioso é o simbolismo faz mais sentido no norte. O renascimento da luz que vence as trevas,as colheitas, etc. Viva Capricórnio e o Menino Mythra.

Lina Faria disse...

Viva, Jorge!

Bem-vinda, Silvana!

Quem sou eu

Minha foto
Curitiba, Paraná, Brazil
Sou fotógrafa e curiosa. Vivo na cidade de Curitiba e gosto de olhar e documentar a relação das pessoas com os espaços em geral. Levo isso ao pé da letra, quando fotografo as ruas e sua ocupação desordenada. Também nos interiores das submoradias, longe de qualquer padrão de ordem mas com um sentido de segurança, mesmo que penduradas e vulneráveis à primeira chuva. Mas tudo isso tendo como compromisso a beleza, a harmonia. Mesmo na realidade de uma favela, resgatar a dignidade através do belo é o que me interessa. Gosto também, e muito, de design e arquitetura. Da social à contemporânea, o gosto pelo ocupar me interessa. contato: linafaria@yahoo.com.br
Todos os direitos reservados à autora.
Fotos podem ser copiadas desde que com menção à fotógrafa e sem fins comerciais.

Desafio de março

Desafio de março

Minha lista de blogs

Seguidores

Arquivo do blog

em foco