setembro 27, 2010









Cosme&Damião






Era um, eram dois eram três?


HISTÓRIA - Para a Igreja Católica, Cosme e Damião eram dois irmãos gêmeos e médicos, especializados no tratamento de crianças. De acordo com o padre Ernesto, da Cúria Diocesana, o dia em que se homenageia os santos, para a liturgia católica, é dia 27. "Cosme e Damião são mártires da Igreja, de acordo com referências literárias antigas. Eles teriam nascido em Cirro, na Síria, local em que foi construída uma basílica em homenagem aos dois", explicou.
Na umbanda Cosme e Damião foram crianças que desenvolveram a vocação para medicina muito cedo, colocando em prática o que sabiam. Eles teriam morrido com cerca de 40 anos e a oferenda de balas serviria para que os doadores protegessem os espíritos de seus filhos, preservando-os contra doenças. Segundo Aroldo, da "Cabana do Pai Tomás" ,na umbanda, a religião também homenageia Doum, igualmente médico e pediatra, espírito Ogum (que teria desfrutado de vida terrena).
- As oferendas realizadas pelo umbandismo, que se estendem até o dia 12 de outubro - Dia das Crianças - consistem em depositar, em um jardim ou parque, doces, refrigerante de guaraná, velas azuis (para homenagear meninos) e rosas, para meninas.

Segue a baixo um canto ou ponto:

Lá no céu tem três estrelas
Todas três em carreirinha
Uma é Cosme e Damião
A outra é mariazinha.
_________________________________
Mariazinha da beira da praia,
Como é que sacode a saia?
É assim, é assim, é assim
É assim que sacode a saia


Lá em cima do telhado
caiu um balão
Eu vou chamar Doum,
São Cosme e Damião




2 comentários:

expressodalinha disse...

Aprendendo. Obrigado.

cabuquinho finno disse...

Cosme e Damião, cadê Doum?
Doum ta cavalgando no cavalo de Ogum.

Salve Dona Lina Faria, eu to atrasado, mas to ligado. bjs

Quem sou eu

Minha foto
Curitiba, Paraná, Brazil
Sou fotógrafa e curiosa. Vivo na cidade de Curitiba e gosto de olhar e documentar a relação das pessoas com os espaços em geral. Levo isso ao pé da letra, quando fotografo as ruas e sua ocupação desordenada. Também nos interiores das submoradias, longe de qualquer padrão de ordem mas com um sentido de segurança, mesmo que penduradas e vulneráveis à primeira chuva. Mas tudo isso tendo como compromisso a beleza, a harmonia. Mesmo na realidade de uma favela, resgatar a dignidade através do belo é o que me interessa. Gosto também, e muito, de design e arquitetura. Da social à contemporânea, o gosto pelo ocupar me interessa. contato: linafaria@yahoo.com.br
Todos os direitos reservados à autora.
Fotos podem ser copiadas desde que com menção à fotógrafa e sem fins comerciais.

Desafio de março

Desafio de março

Minha lista de blogs

Seguidores

Arquivo do blog

em foco